quinta-feira, 29 de abril de 2010

Maria Tereza, descanse em paz!!!

* Na segunda-feira fui visitá-la, ela fez um esforço tão grande pra me doar algumas palavras...a vida, a saúde...são palavrinhas tão pequenas, mas trazem o sentido de tudo. Estou triste pela situação. Descanse em paz. Sei que vai alegrar o outro lado da existência..como alegrou este nosso lado aqui..Pra mim fica este sorriso e a vontade de viver, de doar-se, de amar, cantar, dançar e escrever..Muito axé do outro lado do Olorum.





Maria Tereza com seu sorriso lindo lançando o Negrices em Flor na Ação Educativa, em 2007, publicado pela Edições Toró.


Akins Kinte e Maria Tereza, agosto de 2007.

Elizandra Souza, Zinho Trindade e Maria Tereza, dezembro de 2007.



Aquilombados - Maria Tereza



É dos olhos que sai o mar efervescente dos aquilombados
É do mar que sai os olhos efervescentes dos aquilombados
Nossas vozes, nossos tons são peles aparceiradas
É necessário profundidade pra imantar da terra verdades
Somos língua viva botando fogo no sereno
Na feira, no ônibus, na roda tem
Na fila, no trânsito, elevador também
Com suavidade, com feminilidade, com tudo que houver
necessidade
Observo enquanto errando acerto
Na São Paulo camaleão feminina, da norte mesmo ao sul
extremo
Salves! A quem deve ser saudado
Minha terra tem fagulhas que me fazem enxergar que amor
é inteligência
É preciso exercitar.


Poesias de Maria Tereza

3 comentários:

fabio disse...

salve salve sentimento a milhao
respeito muito, pela arte e pessoa de Maria Tereza.

beijo no coração sempre

Jéssica Balbino disse...

Flor, sinto muito !
fica na paz ..e que ela também ! Vai somar com tantos outros queridos que já se foram. O céu ta ficando lindo !
bjo

Robson Canto disse...

MEUS SENTIMENTOS ELIZANDRA! ELA ERA MÓ FIRMEZA SEMPRE COM UM SORRIZÃO ESTAMPADO NO ROSTO.

ELI ME DIGA UMA COISA? PORQUE APENAS O SEU BLOGGER NOTICIOU O FALECIMENTO DA AMIGA?

ROBSON CANTO